Poster

Como monetizar no youtube? Aprenda sobre as melhores formas de ganhar dinheiro com seu canal

Author
InVideo Clock IconLast Updated on: June 22, 2022

Create PRO videos in minutes with InVideo

Olá amigo leitor, querendo começar a ganhar dinheiro e saber como monetizar no Youtube?

Se for seu caso, você vai ter que gostar de editar vídeos e de fazer pesquisas. Bons canais entendem o público e mostram o que eles mais querem.

Seja para você se dedicar full time ou por hobby, ter muitas visualizações em seus vídeos vai permitir que você ganhe um extra todo mês.

E quando é esse o assunto, todo mundo pensa que é extremamente complicado criar seus vídeos e administrar um canal. 

Isso é parcialmente verdade. Se você usar as ferramentas certas, você vai conseguir fazer vídeos em poucos minutos, e até mesmo monetizar mais de um canal no Youtube.

Não é truque, é só bom conhecimento de programas na internet!

Vamos explicar tudo isso hoje, quais as formas de como monetizar o Youtube, e também que tipo de vídeo/formato você vai preferir fazer.

Então vamos começar de uma vez…

 

O que é necessário para monetizar no Youtube?

A monetização no Youtube é feita por meio dos vídeos e anúncios que antecedem o seu conteúdo. Quando as pessoas pulam o anúncio, o dono do canal recebe um valor parcial dos “ads” – termo bem conhecido para aqueles vídeos e publicidades na Internet.

Há também outras formas de monetizar o canal do Youtube, entre elas o conteúdo patrocinado e demonstração de produtos ou assuntos relacionados a sua empresa.

Bom, para começar a monetizar seu canal no Youtube, você deverá ativar a monetização pelo YPP (Youtube Partners Program), e estar de acordo com as normas e diretrizes do programa.

Porém, para isso funcionar, você deve ter ao menos 4 mil horas de conteúdo assistido nos últimos 12 meses em seu canal, e ter mais de 10 mil views somados em sua página. 

Sem isso a possibilidade do Youtube Ads não começa a valer!

Depois disso, para essa e as outras formas de monetização funcionarem e gerarem retorno, você terá que ter ao menos 1 mil de views em seus vídeos, do contrário, qualquer estratégia que vamos apresentar abaixo terá um volume insuficiente de visualizações.

 

Por que utilizar o Youtube como fonte de renda?

Graças a uma economia que está se tornando cada vez mais descentralizada e independente, muitas pessoas acabam investindo em canais de Youtube para alavancarem suas empresas ou até mesmo suas lojas virtuais.

Afinal, é por meio de conteúdo, vídeos e posts em redes sociais que as pessoas descobrem marcas e entram em jornadas de compra.

Muitas pessoas que vendem cursos (infoprodutos) e produtos de terceiros (como afiliados ou parceiros) deixam links e sites ao longo de suas páginas e vídeos, gerando receita recorrente.

Ou seja, um vídeo seu gravado em 2020 pode continuar gerando dinheiro e vendas por anos!

Por esse e outros motivos, como a necessidade de renda extra, é que a utilização do Youtube como fonte de renda é bem recompensador. 

 

Como começar a monetizar no Youtube: As 3 possibilidades para ganhar dinheiro no seu canal

Muitos pensam logo de cara no assunto “como monetizar o Youtube” que a resposta são os Ads  e aqueles vídeos de anúncio.

Na realidade, a criatividade do canal e do Youtube pode criar vários mecanismos e maneiras de gerar renda e dinheiro por meio do portal de vídeos.

Alguns vão envolver parcerias, patrocinadores, e outros vão envolver a possibilidade de você se afiliar a outras empresas – de qualquer lugar do mundo, por meio de links especiais para gerar vendas online.

Vamos mostrar agora as 3 principais maneiras de monetizar seu canal a seguir:

 

1)Monetização com produtos (e links)

Essa é a opção mais natural e até mesmo mais lucrativa. Diversos nomes e incríveis profissionais de marketing geraram milhões de dólares com os cliques sendo feitos em seus conteúdos.

Não importa se o produto ou página de destino é sua ou de terceiros, nesse jogo você sempre ganha um % para continuar seu negócio de criação de conteúdo, que gera tráfego natural e cliques para páginas e sites de compra.

A maioria dos canais e pessoas que levam o Youtube como função e trabalho sério, sempre utilizam dessa estratégia. 

Quando elas não possuem produtos e serviços, descobrem parcerias e possíveis produtos que sua audiência venha a se interessar. 

Imagine que um vídeo seu tenha 1 milhão de visualizações. Caso 5% dessas pessoas cliquem em seus links, você terá um bom volume de vendas/visitas, certo?

E por aí vai…

Como é feito esse tipo de monetização pelo Youtube?

Para quem não pegou o espírito da coisa, ela funciona assim: Você produz vídeos e conteúdos de qualidade por seu canal. 

Na descrição do vídeo, abaixo da tela de produção, as pessoas podem interagir e clicarem em links e até mesmo na url do seu site ou página externa. É por meio desse método que muitos produtos e infoprodutos são vendidos.

Obviamente que você terá a tarefa de chamá-los para a ação, dizendo para conhecerem mais sobre o serviço ou produto clicando nos links da descrição. 

Se não fizer isso, os links de direcionamento poderão ser ignorados, e você vai deixar de fazer suas vendas pelo Youtube!

 

2)Monetizar no Youtube com anúncios e bom conteúdo 

Bom conteúdo chama gente. E altos fluxos de usuários geram negócios e produtos em paralelo nesses sistemas.

É assim que inúmeros sites e portais gratuitos ganham dinheiro (ou seja, em lugares como Youtube e redes sociais, o produto em questão é você e seu tempo).

Quanto melhor for seu conteúdo, maiores as chances de views, e claro, que o Youtube (ou o YPP) se interesse por vincular seu canal a patrocinadores e compradores de anúncios.

Ou seja, mesmo que a cada mil views você receba algo em torno de 20 reais, ainda assim o efeito massivo em escala disso vai permitir que você ganhe muito dinheiro ao longo do mês.

Como isso pode funcionar? Com você produzindo ao menos uns 3 vídeos por semana.

Quando você perceber, você já vai ter cerca de uns 50 vídeos te trazendo renda por anúncios.

Show de bola né?

 

Leitura complementar para fazer vídeos no Youtube:
Como fazer vídeos para tutoriais online?



3)Percentual de vendas e participações

Esse modelo é muito utilizado por influenciadores e pessoas que conseguem ter muitas visualizações em seus conteúdos.

Páginas e canais que ganhem a notoriedade de empresas, faz com que eles busquem parcerias. Por isso você pode ser convidado para mostrar produtos e serviços de terceiros, e assim ganhar uma parte das vendas.

Neste caso a monetização no Youtube possui uma lógica bem parecida com a opção 1 que apresentamos acima.

Graças a rastreabilidade de páginas e mecanismos de vendas como o Google Analytics, é possível saber se uma venda veio do Youtube ou não.

Portanto eles podem colocar links e produtos de terceiros em seus vídeos, e assim você ganha uma porcentagem. 

Forma alternativa de ganhar dinheiro com Youtube: Conteúdo e vídeos patrocinados

Por mais que essa seja uma forma “alternativa”, ela é muitas vezes o objetivo principal de muitos canais que focam seus conteúdos em nichos.

Imagine assim, que seu conteúdo sobre games e jogos seja tão bom, que a própria produtora ou dona do jogo decida te patrocinar para criar conteúdo toda semana?

 

Sim, quem possui muitos inscritos em seus canais conseguem tamanha proeza.

 

Nesse cenário, além de você já estar ganhando com outras das opções acima, você também recebe um valor pré-determinado por uma empresa, que paga você para gerar análises, podcasts e muito conteúdo que gire em torno do assunto de interesse seu, do canal, e claro, da empresa parceira.

Esse é o sonho de muita gente, mas um tanto escasso.

Para aqueles que não conseguem um patrocínio empresarial, há a possibilidade de “dividir os custos” com pessoas que doam ou pagam mensalidades de custo baixo para te ajudar mês a mês.

Como exemplo disso temos o Patreon.

 

Eu ainda não alcancei os requisitos mínimos para monetização no Youtube, e agora?

Todo mundo esteve onde você está hoje. Os canais começam com poucas visualizações, com likes e comentários de amigos e parentes.

Nessa fase você terá que surpreender as pessoas para que comecem a achar seu canal digno, e que organicamente, você vá conquistando novos fãs e inscritos no canal.

A tarefa pode demorar um pouco, mas tende a ser mais fácil com o passar do tempo.

Portanto, se você está nesse estágio, você deve ficar ligado com o que vamos levantar a seguir.

 

Quais as palavras-chave (Keywords) de interesse do seu público?

Tenha uma noção prévia dos tipos de buscas e assuntos que são do interesse de sua audiência.

Quando você acerta em cheio nos assuntos e temas que o público está procurando, as chances deles clicarem em seu vídeo é muito maior!

Use extensões no seu navegador como o Keyword Surfer, para ter uma noção melhor do volume de busca das palavras e Keywords que você estiver usando.

Use também de extensões e apps específicos para o Youtube, se preferir.

 

Observe os vídeos que páginas similares fazem, e que tiveram sucesso

Quais tipos de vídeos estão acertando em páginas similares às suas?

Veja que tipo de conteúdo faz sucesso e gera engajamento, se são tutoriais, análises ou vídeos com temas muito específicos (long tails). Depois disso, faça como eles, e crie conteúdo similar, com um modelo parecido.

Deixe sua exclusividade e “singularidade” para depois que já tiver conquistado alguns seguidores e inscritos.

 

Nota: se você procurar, também vai encontrar vídeos que tiveram pouco resultado nas páginas similares às suas. Veja, estude e entenda por que falharam com suas poucas views, para você não repetir o erro

 

Thumbnails e boa qualidade dos vídeos

Quando as pessoas estão buscando vídeos para assistir, na maioria das vezes o que chama atenção são as imagens (thumbnails) dos vídeos.

Portanto, capriche na hora de criar as suas, e busque entender melhor sobre descrição, resumo e outros atributos além do Thumbnail.

E não se esqueça de utilizar uma boa câmera para realizar as filmagens em alta definição, um bom áudio, ou ao menos um programa que crie vídeo com ótima qualidade e resolução.

Então evite fazer vídeos pelo celular, a não ser que sua câmera seja muito boa (e das caras).

 

Tutorial: Como criar um anúncio de Youtube de maneira rápida (menos de 30 minutos)

 

Existe uma outra possibilidade de monetização no Youtube que não exige que você tenha um canal.

Isso é, muita gente precisa de ajuda e pessoas que criem anúncios. Sim, os anúncios que ficam no começo dos vídeos, que geram visitas e tráfego para empresas do mundo todo.

Se você se interessa pela possibilidade de criar e editar seus próprios vídeos, vamos te dar uma dica muito boa de como começar, mesmo que você não seja um editor.

Ou até mesmo que jamais tenha feito qualquer vídeo ou anúncio na vida!

 

Fazendo seu primeiro vídeo de ads no Youtube. Como começar?

Primeiro, você vai acessar a página do InVIdeo, um editor de vídeo de uso online, que permite que você crie anúncios com templates e materiais prontos.

Na página/site da empresa, você escolhe um modelo para utilizar no anúncio. Depois no dashboard de edição, você escolhe as cenas e elementos visuais, sempre utilizando o sistema de “arrasta e solta”.

template para youtube invideo

Na imagem é possível ver as diversas opções para seu anúncio. Note que são mais de 1500 templates prontos para uso!

Seus anúncios podem ser feitos com imagens e textos, ou podem ser feitos com vídeos do banco de mídia do editor. 

Por que é tão fácil e rápido esse editor?

Porque os modelos e cenas de anúncios já estão pré configurados, o que exige que você apenas mude os textos, legendas e mude as músicas e logos, por exemplo.

Então com uma conta Premium no InVideo você pode criar anúncios para diversos clientes e empresas, com recursos ilimitados (a biblioteca é tão vasta que chega a espantar!).

Será bem mais fácil fazer vídeos institucionais, anúncios e vídeos para canais de Youtube usando nosso método.

Monetização e renda extra: Ganhando dinheiro com vídeos, anúncios e muito mais

Você pode, além dos anúncios, criar vídeos e material para seu canal e páginas sociais.

As dicas e macetes para você poder criar canais e formas de renda recorrente deixamos aqui no vídeo abaixo, que mostram como o InVIdeo ajuda nesse trabalho:

 

Monetização com vídeos no Youtube “sem aparecer”. Por onde começar?

Algumas pessoas buscam entrar no mundo dos vídeos com canais e com métodos que não mostram seus rostos, e que não necessitem se auto-filmarem no processo.

Se for o seu caso, o InVideo é a opção ideal para você.

Seja para fazer vídeos inspiradores e institucionais, o banco de mídia já possui tudo que você precisa.

Dessa forma você cria vídeos sempre usando material pronto e vídeos da biblioteca do editor, fazendo com que você nem mesmo precise de uma câmera.

Se quiser se aprofundar nos vídeos e canais que você não precisa aparecer para monetizar no Youtube, recomendamos que leia o post sobre o voiceover.

É uma outra modalidade de vídeo muito interessante, que talvez você não conheça. Nela você utiliza seu áudio e voz por cima dos vídeos, e nem mesmo precisa aparecer.

 

Por que ganhar dinheiro com vídeos sem aparecer?

A resposta é um tanto simples: você poderá ter mais de um canal dessa forma. No máximo, o que será reutilizado de um canal para o outro será a sua voz e as habilidades de edição.

Se você seguir essa lógica da produção de vídeos sem aparecer, com frases e produções textuais (como explicamos no começo do artigo de hoje), você poderá fazer mais vídeos e ter uma produção literalmente industrial.

Enquanto os vídeos que o Youtuber ou “dono do canal” aparecem chega a tomar horas do tempo – ou o dia todo! – a produção de vídeos sem aparecer na tela (sem dar as caras) permite uma produção massiva e em série.

Isso principalmente se você utilizar o InVideo que comentamos hoje. A decisão é sua.

 

Veja também: Como monetizar o Instagram

Create gold-standard videos in minutes with InVideo's online video editor. Join 7M+ users across 195 countries and create engaging videos on the go.

Latest Articles

Poster

Calculadora de dinheiro do TikTok: Aprenda a calcular seus ganhos!

AvatarInVideo